Melhore a sua postura

Melhore a sua postura

De forma a melhorar a postura deve-se utilizar conceitos ergonómicos que se caracteriza pelo estudo da adaptação do trabalho às características fisiológicas e psicológicas do ser humano.

As interações analisadas pela ergonomia podem ser as manifestadas numa situação de trabalho ou simplesmente durante a utilização de um eletrodoméstico em casa.

A ergonomia procura otimizar as interações visando, de uma forma Integrada, promover a segurança, a saúde e o bem-estar do utilizador, Assim como a eficácia do sistema em que está envolvido.

São ilustrados alguns exemplos de forma a poder melhorar a postura para que dessa forma possa minimizar os riscos de saúde. Com uma postura correta pode-se evitar o aparecimento de várias lesões tais como: dor aliada a rigidez de movimentos, crepitações vertebrais, desequilíbrios musculares, sensação de peso nos membros superiores e Inferiores, parestesias, diminuição da força, dores lombares, dores cervicais, aumento da cifose, aumento da lordose, aparecimento de escoliose (desvio da coluna).

Para além da utilização de posturas ergonómicas, deve-se evitar movimentos repetidos, realizações de forças e exposição a vibrações.

Quando estiver de pé não se deixe descair.

Se pegarmos num peso do chão fletindo o tronco, o esforço realizado é de vinte vezes superior ao peso real; quer dizer que, se pegarmos numa carga de dez quilos, com a coluna fletida, esta carga será na realidade de duzentos quilos para a nossa coluna.

Ao transportar pesos, deve distribuir os pesos equilibradamente pelas duas mãos. Quando tal não for possível, alterná-los entre a mão direita e esquerda. Manter a cabeça direita.

Para garantir o conforto visual, mantenha seu monitor entre 45 e 70 cm de distância e regule sua altura no máximo, até sua linha de visão. É importante que as pessoas possam trabalhar com os pés no chão. As cadeiras devem portanto, possuir reguladores compatíveis. Assim como a altura do monitor, a do teclado também deve poder ser regulável. Ajuste-a até que fique no nível da altura dos seus cotovelos. Com exceção de algumas atividades, as cadeiras devem possuir encosto de tamanho médio. Uma maior superfície de apoio, garante uma melhor distribuição do peso corporal e um melhor relaxamento muscular.

Deitar num colchão plano e não demasiado mole que permita uma posição descontraída e confortável. A posição recomendada é de lado com as pernas dobradas. Não deve dormir de barriga para baixo.

Ao Levantar da cama de barriga para cima, deve dobrar as pernas e cruzar os braços. Rodar ao mesmo tempo a cabeça, os ombros e os joelhos para a beira da cama. Deixar as pernas cair para o chão e ajudar com os braços e levantar o corpo para a posição de sentado.

Ao vestir a roupa, deve-o fazer sentado numa cadeira ou na beira da cama. No entanto, mesmo sentado, evite dobrar o corpo para vestir as calças ou calcar os sapatos.

Sentar direito numa cadeira não muito mole e com assento suficientemente alto para os joelhos ficarem à altura das ancas e a planta dos pés toda assente no chão.

Ao Levantar da cadeira, deve escorregar para a frente apoiar os pés no chão ligeiramente afastados, inclinar o corpo para a frente e levantar.

Procure manter a postura ereta ao: esfregar o chão, passar roupa a ferro, torcer roupa, estender a roupa. Ao passar a ferro deve ter o cuidado de colocar uma superfície por baixo do pé assim como ilustra a imagem e vá alternando assim que for conveniente. Desta forma, evita as dores frequentes que ocorrem na coluna. Experimente!